Yoel Romero acende charuto em imagem de Bisping pegando fogo; veja

Com a derrota sofrida para Robert Whittaker na luta principal do UFC 213, Yoel Romero perdeu a chance de conquistar o título interino peso-médio (84 kg) e se credenciar como o próximo oponente de Michael Bisping. Contudo, ainda que o resultado do evento realizado no último sábado (8) tenha adiado seu tão aguardado encontro com o campeão, o cubano viu a rivalidade que alimenta com o inglês aumentar ainda mais nos últimos dias. Provocado pelo rival no último final de semana, o cubano fez questão de devolver em um polêmico vídeo divulgado na internet.

Com um charuto na boca, Romero coloca fogo em uma imagem do campeão do UFC enquanto ele segura uma bandeira do Reino Unido. A atitude, na verdade, foi em resposta à postura do britânico que, durante o UFC 213, no último sábado (8), rasgou uma imagem da bandeira cubana enquanto o veterano digladiava no octógono contra Robert Whittaker.

“Michael Bisping, estou queimando você e sua bandeira por terem desrespeito a minha bandeira. Eu sou o seu maior tickett. Te vejo em breve, garoto”, legendou a publicação feita em sua conta no Instagram.

Aos 40 anos de idade, Yoel Romero nunca escondeu o desejo de enfrentar o atual campeão peso-médio do UFC. No entanto, a rivalidade parece ter fugido do aspecto esportivo e descambado para a questão pessoal. O cubano é atleta do UFC desde abril de 2013, e a derrota sofrida para Whittaker no último sábado foi apenas seu primeiro revés na organização.

Confira abaixo o vídeo do cubano queimando a foto de Bisping (ou clique aqui):

Realizado neste sábado (8) em Las Vegas (EUA), o card do UFC 213 contou com duelos que mudaram a dinâmica de algumas categorias. Como grande atração, coube a Robert Whittaker roubar a cena ao se tornar o campeão interino dos pesos-médios (84 kg) - Rigel Salazar
No entanto, nada foi fácil. Yoel Romero começou melhor e impôs seu domínio físico nos dois primeiros rounds, quando garantiu vantagem territorial e conectou os melhores golpes - Rigel Salazar
Mesmo assim, aos poucos o jogo foi mudando de figura e o rendimento do cubano diminuiu... - Rigel Salazar
Melhor em pé, o atleta da Nova Zelândia passou a conectar os melhores golpes a partir do 3º round - Rigel Salazar
E, ao final de cinco rounds, Robert fez por merecer a vitória por decisão unânime dos jurados e o cinturão interino dos médios - Rigel Salazar
Co-main event da noite, Alistair Overeem venceu por decisão majoritária após duelar pela terceira vez com Fabrício Werdum... - Rigel Salazar
Melhor segundo round e quase nocauteado no terceiro, o holandês contou com a visão dos jurados, que o apontaram como melhor na etapa inicial, a mais equilibrada do duelo - Rigel Salazar
Por sua vez, Werdum pareceu inconformado com o resultado e contou com o apoio da torcida, que vaiou o vencedor durante seu discurso - Rigel Salazar
Com o triunfo, Overeem se aproxima de uma chance pelo cinturão - Rigel Salazar
Curtis Blaydes venceu Daniel Omielańczuk por decisão unânime - Rigel Salazar
Curtis Blaydes venceu Daniel Omielańczuk por decisão unânime - Rigel Salazar
Anthony Pettis venceu Jim Miller por decisão unânime - Rigel Salazar
Ex-campeão dos leves (70 k), Pettis retornou à sua divisão após passagem frustrada pelos pesos-penas - Rigel Salazar
Melhor em pé, 'Showtime' voltou a mostrar alguns de seus melhores movimentos no cage - Rigel Salazar
Será que ele consegue voltar ao topo do MMA? - Rigel Salazar
Rob Font finalizou Douglas Silva de Andrade no 2º round - Rigel Salazar
Rob Font finalizou Douglas Silva de Andrade no 2º round - Rigel Salazar
Oleksiy Oliynyk finalizou Travis Browne no 2º round - Rigel Salazar
Oleksiy Oliynyk finalizou Travis Browne no 2º round - Rigel Salazar
Chad Laprise nocauteou Brian Camozzi no 3º round - Rigel Salazar
Thiago ‘Marreta’ Santos nocauteou Gerald Meerschaert no 2º round - Rigel Salazar
Thiago ‘Marreta’ Santos nocauteou Gerald Meerschaert no 2º round - Rigel Salazar
Thiago ‘Marreta’ Santos nocauteou Gerald Meerschaert no 2º round - Rigel Salazar
Belal Muhammad venceu Jordan Mein por decisão unânime - Rigel Salazar
Belal Muhammad venceu Jordan Mein por decisão unânime - Rigel Salazar
Cody Stamann venceu Terrion Ware por decisão unânime - Rigel Salazar
Cody Stamann venceu Terrion Ware por decisão unânime - Rigel Salazar
Trevin Giles nocauteou James Bochnovic no 2º round - Rigel Salazar
Trevin Giles nocauteou James Bochnovic no 2º round - Rigel Salazar

Deixar uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *