Vídeo narra polêmicas de Jon Jones em promoção do UFC 214: “Quero minha vida de volta”

Jon Jones e Daniel Cormier duelam pela segunda vez no UFC 214 – Instagram

Já são três anos de intensa rivalidade entre Jon Jones e Daniel Cormier. Neste período, os atletas se enfrentaram apenas uma vez, desmarcaram três encontros e colecionaram diversas polêmicas ao mesmo tempo em que varriam a divisão meio-pesado (93 kg) do UFC. No entanto, são as confusões na vida pessoal de ‘Bones’ que ajudaram a tornar esse embate tão esperado, o que acabou sendo registrado em vídeo pela organização do torneio.

Escalados para duelaram no próximo dia 29 de julho, na Califórnia, Jon Jones e Daniel Cormier farão a luta principal do UFC 214, e o clima de inimizade entre eles foi retratado no teaser promocional do show. Para isso, a primeira parte do vídeo, mostra os erros de Jones, campeão mais nova da história da organização aos 23 anos.

Problemas com drogas e acidentes com carros que garantiram três prisões ao americano ocupam a metade inicial, colocando em xeque os riscos tomados pelo atleta ao colocar sua carreira em segundo plano diversas vezes. Enquanto isso, o restante do vídeo é comandado por Daniel Cormier, que condena as escolhas do rival por “festas, drogas e álcool”.

Com o clima de guerra anunciado, a peça publicitaria termina com uma frase forte de Jones: “Eu preciso de minha vida de volta”. E quando ele diz isso, ele não se refere apenas a voltar aos trilhos novamente, mas vencer seu maior rival e retomar o cinturão dos meio-pesados que foi seu por anos.

Realizado neste sábado (8) em Las Vegas (EUA), o card do UFC 213 contou com duelos que mudaram a dinâmica de algumas categorias. Como grande atração, coube a Robert Whittaker roubar a cena ao se tornar o campeão interino dos pesos-médios (84 kg) - Rigel Salazar
No entanto, nada foi fácil. Yoel Romero começou melhor e impôs seu domínio físico nos dois primeiros rounds, quando garantiu vantagem territorial e conectou os melhores golpes - Rigel Salazar
Mesmo assim, aos poucos o jogo foi mudando de figura e o rendimento do cubano diminuiu... - Rigel Salazar
Melhor em pé, o atleta da Nova Zelândia passou a conectar os melhores golpes a partir do 3º round - Rigel Salazar
E, ao final de cinco rounds, Robert fez por merecer a vitória por decisão unânime dos jurados e o cinturão interino dos médios - Rigel Salazar
Co-main event da noite, Alistair Overeem venceu por decisão majoritária após duelar pela terceira vez com Fabrício Werdum... - Rigel Salazar
Melhor segundo round e quase nocauteado no terceiro, o holandês contou com a visão dos jurados, que o apontaram como melhor na etapa inicial, a mais equilibrada do duelo - Rigel Salazar
Por sua vez, Werdum pareceu inconformado com o resultado e contou com o apoio da torcida, que vaiou o vencedor durante seu discurso - Rigel Salazar
Com o triunfo, Overeem se aproxima de uma chance pelo cinturão - Rigel Salazar
Curtis Blaydes venceu Daniel Omielańczuk por decisão unânime - Rigel Salazar
Curtis Blaydes venceu Daniel Omielańczuk por decisão unânime - Rigel Salazar
Anthony Pettis venceu Jim Miller por decisão unânime - Rigel Salazar
Ex-campeão dos leves (70 k), Pettis retornou à sua divisão após passagem frustrada pelos pesos-penas - Rigel Salazar
Melhor em pé, 'Showtime' voltou a mostrar alguns de seus melhores movimentos no cage - Rigel Salazar
Será que ele consegue voltar ao topo do MMA? - Rigel Salazar
Rob Font finalizou Douglas Silva de Andrade no 2º round - Rigel Salazar
Rob Font finalizou Douglas Silva de Andrade no 2º round - Rigel Salazar
Oleksiy Oliynyk finalizou Travis Browne no 2º round - Rigel Salazar
Oleksiy Oliynyk finalizou Travis Browne no 2º round - Rigel Salazar
Chad Laprise nocauteou Brian Camozzi no 3º round - Rigel Salazar
Thiago ‘Marreta’ Santos nocauteou Gerald Meerschaert no 2º round - Rigel Salazar
Thiago ‘Marreta’ Santos nocauteou Gerald Meerschaert no 2º round - Rigel Salazar
Thiago ‘Marreta’ Santos nocauteou Gerald Meerschaert no 2º round - Rigel Salazar
Belal Muhammad venceu Jordan Mein por decisão unânime - Rigel Salazar
Belal Muhammad venceu Jordan Mein por decisão unânime - Rigel Salazar
Cody Stamann venceu Terrion Ware por decisão unânime - Rigel Salazar
Cody Stamann venceu Terrion Ware por decisão unânime - Rigel Salazar
Trevin Giles nocauteou James Bochnovic no 2º round - Rigel Salazar
Trevin Giles nocauteou James Bochnovic no 2º round - Rigel Salazar

Deixar uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *