Top 10: Relembre as maiores confusões de Fabrício Werdum no UFC

Ex-campeão peso-pesado do Ultimate, Fabrício Werdum, também conhecido pelos fãs como 'Vai Cavalo', é um dos lutadores brasileiros mais carismáticos no meio do MMA. No entanto, apesar de seu rotineiro bom humor, ele colecionou alguns desafetos ao longo de sua trajetória no UFC. Quer saber quem são? A Ag. Fight fez uma lista com os dez principais nomes com quem o curitibano teve desavenças na organização - Erik Engelhart
Fabrício Werdum não tem papas na língua, e inclusive já bateu boca com Dana White, presidente do UFC, algumas vezes. Em contrapartida, o cartola já criticou 'Vai Cavalo' publicamente, que por sua vez teve seu lugar na fila para disputar o cinturão furado por 'Cigano'. Será que uma coisa tem a ver com a outra? - Diego Ribas
Logo no começo de sua trajetória no UFC, Werdum era considerado um dos principais nomes para disputar cinturão dos pesados no UFC, até enfrentar, ainda em 2008, um compatriota. 'Cigano' surpreendeu o campeão mundial de jiu-jitsu e o nocauteou ainda no primeiro round. De lá para cá, os dois constantemente se alfinetam, e 'Vai Cavalo' chegou a cogitar ir à academia de Júnior Dos Santos para 'brigar' com ele - Erik Engelhart
Apesar de lutarem em categorias de pesos diferentes, Fabrício Werdum se envolveu em uma confusão com Luke Rockhold, ex-campeão peso-médio (84 kg) do UFC e do Strikeforce. No último episódio da rivalidade, o americano declarou que não respeitava o brasileiro e que o venceria em um duelo, mas foi prontamente respondido. Através de sua conta no Instagram, 'Vai Cavalo' fez uma montagem com o rosto do rival, e disse que não lutaria contra um frango - Florian Sädler
Outro momento de desavença do brasileiro no UFC foi quando ele garantiu que Cain Velasquez, ex-campeão dos pesados na organização, não era tão mexicano quanto afirmava ser. Os dois se enfrentaram em uma disputa pelo cinturão e Werdum levou a melhor em um combate recheado de provocações antes e depois da luta - Evelyn Rodrigues
Já contra Travis Browne a provocação começou antes de se enfrentarem pela primeira vez, em 2014, quando Werdum revelou que já havia 'passado o carro' sobre o adversário em um treinamento realizado na Kings MMA. Para completar, o brasileiro ainda fez provocações durante o combate, o que não foi visto com bons olhos pelo americano - Reprodução
Fabrício Werdum e Browne se enfrentaram novamente em 2016, mas dessa vez a confusão foi com Edmund Traverdyan, treinador do americano. Ao final do combate, que foi novamente vencido pelo brasileiro, 'Vai Cavalo' acertou um chute no americano logo após o anúncio oficial. Não é preciso nem falar que o clima esquentou, né? - Erik Engelhart
Outro momento marcante foi quando Werdum enfrentou 'Minotauro' em junho de 2013, em um combate que lesionou seriamente o ex-campeão do Pride. Após romper o ligamento do cotovelo de seu compatriota, 'Vai Cavalo' garantiu que se não tivesse soltado a posição teria levado o braço de Rodrigo Nogueira para casa, o que não foi visto de forma positiva pelo adversário - Diego Ribas
Além da rusga com 'Minotauro', após aquele combate Werdum também se desentendeu com outra lenda do MMA, Anderson Silva. Nitidamente incomodado com o fato de 'Vai Cavalo' ter rompido o ligamento lateral do cotovelo esquerdo de seu amigo e mentor, 'Spider' não cumprimentou o gaúcho após o combate, o que deu início a um longo período em que eles não se falavam - Gabriel Monteiro
Nem só contra lutadores Werdum se desentendeu desde que chegou ao UFC. A 'Reebok', patrocinadora esportiva oficial da organização, recentemente foi alvo de críticas do brasileiro, que demonstrou insatisfação com o fato de receber menos após o acordo de exclusividade da marca com o Ultimate. Toda confusão não saiu barata para o 'Vai Cavalo', que foi cortado das transmissões oficiais do UFC, em que atuava como comentarista do canal Fox em espanhol - Diego Ribas
Já o último da lista de desavenças do peso-pesado é Alistair Overeem, ex-campeão peso-pesado do Strikeforce contra quem já lutou. Os dois se provocam desde os tempos em que lutaram pela segunda vez, em junho de 2011. Werdum chegou a cogitar uma trilogia contra o holandês, e sempre que pode o alfineta ao acusá-lo de usar esteroides - Diego Ribas

Deixar uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *