Daniel Cormier volta atrás e se desculpa com Anthony Johnson: “Eu estava errado”

Daniel Cormier é o atual campeão dos meio-pesados do UFC – Diego Ribas

Daniel Cormier criticou a postura de Anthony Johnson, que se posicionou favorável a Jon Jones em seu caso de doping, mas já voltou atrás. Depois de ter chamado o ex-lutador de “amarelão”, o atual campeão da divisão meio-pesado (93 kg) se desculpou e reconheceu que errou. Na época em que diversos atletas se manifestaram desaprovando o flagra de ‘Bones’, ‘Rumble’ saiu em defesa do americano e ressaltou a sua postura de campeão no discurso após o UFC 214 – evento que aconteceu no último dia 29 de julho, em Anaheim (EUA). E isso irritou ‘DC’.

Em entrevista para o programa ‘Radio MMA Junkie’, Cormier revelou que enviou mensagens desagradáveis para Johnson, mas se mostrou ressentido com as suas declarações e ainda ressaltou que gostaria de ver o ex-lutador “retornar de sua aposentadoria precoce”. De acordo com o americano, os dois perceberam as atitudes de Jones de “maneiras diferentes”.

“Depois do Rumble ter postado, eu mandei um tweet para ele, porque eu estava com raiva. Eu falava: ‘Estou com raiva, quero lutar’. A verdade é que eu mandei mensagem para ele e disse algumas coisas que não eram legais. Depois eu falei com uma pessoa, que significa muito e ela disse: ‘Porque você está tão bravo? Você começou isso. Você disse coisas e agora está bravo com ele’”, lamentou o atual campeão.

“O fato é que eu estava errado. Eu não devia ter chamado ele de amarelão. Eu não gostei da atitude dele, mas eu esperava mais dele? Por que eu pensaria que ele não seria respeitoso e ainda competiria em alto nível? Então eu voltei um pouco atrás. Eu estava errado. Não deveria ter dito nada sobre ele ser amarelão. As pessoas não precisam ver as coisas como eu vejo, se ele quiser ser amigo de Jon, ser gentil e cordial, tudo bem. Por que isso me diria respeito?”.

DC e Johnson se enfrentaram duas vezes no UFC, e em ambos os confrontos o atual campeão dos meio-pesados finalizou o seu adversário. Rumble anunciou sua aposentadoria no último mês de abril, depois de não ter retirado o cinturão de Cormier. Porém, no dia 3 de outubro, o ex-lutador anunciou que pode voltar aos octógonos.

Deixar uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *