Dana White coloca McGregor em xeque e projeta luta entra Ferguson e Nurmagomedov

Dana White garantiu que o UFC não irá estagnar a divisão dos leves – Diego Ribas

A última vez que Conor McGregor subiu ao octógono foi em novembro de 2016, quando nocauteou Eddie Alvarez e conquistou o cinturão dos leves (70 kg). Depois disso, o atual campeão do UFC desafiou Floyd Mayweather para uma superluta de boxe, quando acabou derrotado no décimo round. E como não há uma previsão de quando o irlandês voltará a atuar no MMA, Dana White parece não estar mais disposto a estagnar a divisão enquanto espera por ele.

O presidente já havia prometido que a maior organização de MMA do mundo não esperaria pelo ‘Notorious’. Com esse mesmo pensamento, White garantiu, em entrevista ao site ‘Yahoo Sports’, que tem planos para movimentar a categoria peso-leve, e que eles podem incluir ou não McGregor.

“Adoro esse casamento [do McGregor] com [Khabib] Nurmagomedov, mas Tony Ferguson é o campeão interino e Conor ainda não decidiu quando ele voltará e o que está acontecendo. Então, o Conor tem grandes decisões para tomar, bem rápido. Se ele esperar, não acho que Conor queira esperar para lutar até agosto, mas se ele esperar até agosto ou setembro, serão quase dois anos desde que o cinturão foi defendido, e isso não pode acontecer”, assegurou o cartola.

“Não é ruim só para o esporte, mas para os outros lutadores. Esse jogo é sobre tempo. Tempo é o seu inimigo nesse esporte e em qualquer outro. Quando você é um atleta profissional, tempo é o seu inimigo. E não podemos deixar essa coisa durar para sempre e não dar para os outros caras a oportunidade. Tony Ferguson tem se destacado por um longo tempo e mereceu as suas conquistas, Khabib mereceu suas conquistas e a lista é longa. Então, Conor fez grandes coisas, conseguiu muito dinheiro… Se ele decidir que não quer mais lutar, é uma decisão dele. É uma escolha dele. Mas o cinturão precisa continuar, então temos que ouvir algumas coisas dele nos próximos meses”.

Com a demora para McGregor retornar ao octógono, Tony Ferguson tem feito campanhas para o irlandês defender o cinturão ou deixa-lo vago. Dana White parece concordar, já que prometeu que se o campeão linear dos leves não realizar uma defesa do seu posto em breve, Khabib Nurmagomedov e Tony Ferguson disputarão o único título da divisão.

“A menos que Conor queira agendar uma luta até março, poderemos fazer Khabib contra Tony. Podemos fazer Khabib contra Tony e o vencedor luta com Conor pelo título. Se o Conor não quiser lutar e quiser esperar até agosto ou setembro, faremos Khabib contra Tony pelo título, não o título interino”, garantiu White.

Deixar uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *